Usa Flag / English Version Bandeira do Brasil / Versão em Português
CURRENT MOON
Lua atual
Cratera ERATOSTHENES e cratera fantasma STADIUS.
(créditos: Tolentino.)

Informações sobre a Foto

Cratera ERATOSTHENES e cratera fantasma STADIUS.

(créditos: Tolentino.)

Cratera Eratosthenes:

Diâmetro: 58 Km;

Profundidade: 3,6 Km;

Coordenadas Selenográficas:  Lat: 14° 30′ 00″ N, Lon: 11° 18′ 00″ W;

Período Geológico Lunar: Eratostheneano (Eratosthenian): 3200 milhões até 1100 milhões de anos atrás.

A cratera Eratosthenes tem um aro circular bem definido, com terraços (ou curvas de nível) nas paredes internas, com piso interno irregular, uma montanha central com alguns picos e uma muralha exterior criada por materiais ejetados durante o impacto. Ela está localizada na extremidade oeste da cordilheira dos Montes Apenninus, bem na fronteira entre o Mare Imbrium e o Sinus Aestuum.

Como muitas crateras complexas na Lua, Eratosthenes possui "terraços" (terraces) no interior de suas bordas, ou seja, paredes internas estruturadas em "curvas de nível". Os terraços foram formados quando as faces de dentro das paredes da cratera entraram em colapso, causando deslizamentos ao longo da circunferência interna.

Picos centrais ocorrem em crateras complexas como resultado da reação de camadas interiores da superfície que "ricocheteiam" contra o impacto inicial do corpo que criou a cratera. Picos centrais quando emergem podem até mesmo ajudar a causar formações de terraços ou curvas de nível nas bordas internas, além de depositar escombros ou pedregulhos ao longo do piso interno da cratera.

A cratera Eratosthenes  foi nomeada em homenagem ao matemático e geógrafo grego Eratosthenes de Cyrene, que foi o primeiro matemático a calcular a circunferência da Terra, em torno de 240 aC.

Na década de 1960, a cratera Eratosthenes foi identificada pelos cientistas Gene Shoemaker e Robert Hackman como um importante marcador geológico na história da Lua, delimitando a escala de tempo lunar mais longa (período Eratostheniano), estimado dentro do intervalo que varia entre 3,2 a 1,1 bilhões de anos atrás.

Crateras Secundárias e a Cratera STADIUS:

Note a cadeia ou seqüência de minúsculas crateras secundárias situadas a nordeste de Copernicus (que está no escuro, com parte da borda iluminada). As minúsculas crateras são os múltiplos pontos em seqüência sinuosa na foto, que foram criadas pelas batidas dos escombros lançados para fora no momento do grande impacto que formou a cratera Copérnicus.

Observe que a meia distância entre Copernicus e Eratosthenes existe a "cratera fantasma" Stadius (diâmetro: 69 Km, Lat: 10.5º N  Lon: 13.7º W), que foi coberta por lava basáltica e que também tem o seu piso interno marcado por pequenas crateras secundárias criadas pelos escombros lançados pelo impacto na criação de Copernicus.

Imagem executada com apenas 1 frame em ‎‎29‎ de ‎maio‎ de ‎2012, ‏‎20:10 (23:10 UT).

Bo!

Boletim Observe! do mês de ...
Boletim Observe! do mês de setembro de 2021
Nobres colegas. O Boletim Observe! do mês de setembro de 2021 está disponível no endereço eletrônico mencionado a seguir: http://www.geocities.ws/costeira1/neoa/observe.pdf Leia a edição atual do ... Leia mais

Nobres colegas. O Boletim Observe! do mês de setembro de 2021 está disponível ... Leia mais
27/08/2021
Campinorte

UFRJ guarda em seu acervo os três ...
UFRJ guarda em seu acervo os três maiores meteoritos do Brasil.
O meteorito Campinorte, descoberto semienterrado perto de um lago, por um fazendeiro em 1992 na região rural de Campinorte, norte de Goiás, tem forma de uma pera com massa pesando aproximadamente 2 toneladas e dimensões com 75 ... Leia mais

O meteorito Campinorte, descoberto semienterrado perto de um lago, por um fazendeiro em 1992 na ... Leia mais
14/08/2021
S_o1

Blog "Sky and Observers" - agosto / ...
Blog "Sky and Observers" - agosto / 2021.
Neste mês (agosto / 2021) estão publicados no Blog "Sky and Observers", os seguintes assuntos: Colunas: Largue o cel e olhe para o céu #23 - Nebulosa Trífida 30 anos sem Jean Nicolini. Nota: Um ... Leia mais

Neste mês (agosto / 2021) estão publicados no Blog "Sky and Observers", os ... Leia mais
06/08/2021
Bo!

Boletim Observe! do mês de agosto ...
Boletim Observe! do mês de agosto de 2021.
Nobres colegas. O Boletim Observe! do mês de agosto de 2021 está disponível no endereço eletrônico mencionado a seguir: http://www.geocities.ws/costeira1/neoa/observe.pdf Leia a edição atual ... Leia mais

Nobres colegas. O Boletim Observe! do mês de agosto de 2021 está ... Leia mais
27/07/2021